campanha sindicalizacao 2021

Notícias
Publicado em Sexta, 22 Março 2013 18:22
PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

 

Na manhã de hoje, 22/3, o Sindicato dos Jornalistas do DF realizou reunião para aprovar a criação da Comissão de Memória e Verdade da entidade. Ela terá a missão de elaborar um relatório sobre os crimes de violação aos direitos humanos praticados contra jornalistas na capital do país durante a ditadura militar.

O objetivo do órgão é analisar as histórias envolvendo jornalistas vítimas da ditadura e fazer um levantamento de informações sobre as violações contra a liberdade de imprensa que tenham representado o cerceamento ao direito à informação. Ele vai contribuir para o trabalho da Comissão da Verdade criada no âmbito da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), que também vai atuar em parceria com a Comissão Nacional da Verdade do governo federal.

Além da aprovação do documento de criação da Comissão do DF, os dirigentes do SJPDF também escolheram os integrantes que irão compor o órgão: Hélio Doyle, Armando Rollemberg, Evandro Fonseca Paranaguá, Moacyr de Oliveira Filho, Chico Sant´anna, Jarbas Silva Marques e Sônia Carneiro.

O SJPDF vai realizar um evento para empossar publicamente os integrantes da Comissão e marcar publicamente o lançamento dela. “Queremos fazer um lançamento do órgão e anunciar como iremos investigar os casos. O nosso primeiro passo será desvendar as histórias reveladas pelos próprios integrantes da comissão”, afirmou Hélio Doyle.

Nesta primeira reunião, o grupo decidiu os primeiros encaminhamentos da Comissão: 

1) seguir as orientações e metodologias adotadas nacionalmente pelas comissões estaduais da verdade dos jornalistas;
2) criar uma infraestrutura capaz de garantir a gravação em áudio e vídeo de todos os depoimentos que vierem a ser colhidos;
3) montar um plano de divulgação que contenha um canal direto com a sociedade de modo a facilitar o envio das denúncias; e
4) divulgar para a mídia a Comissão e todos os casos por ela investigados, sendo os primeiros relatos feitos pelos próprios membros da Comissão.

A Comissão irá se reunir ordinariamente às segundas-feiras, às 9h30, na sede do SJPDF. E extraordinariamente quando for convocada.

Receber notícias

Agradecemos o apoio, deputada! https://t.co/tR0I4pGOeH
3hreplyretweetfavorite
RT @cris_charao: Contra a mesquinhez e patifaria dos patrões donos de jornais e revistas, os trabalhadores cruzam os braços. #jornalistasva
4hreplyretweetfavorite

Acesse o Site