banner sindi 55

PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

Na última quarta (6), representantes do Sindicato dos Jornalistas do DF, do Sindicato dos Radialistas do DF e da Comissão de Empregados da EBC se reuniram com o novo presidente da empresa pública Alexandre Parola. O pedido inicial das entidades foi para que o encontro já fosse para tratar dos problemas da empresa, com participação das entirades do RJ e SP por videoconferência, mas a presidência da EBC optou por uma primeira reunião protocolar para conhecer as entidades.

No encontro, os Sindicatos e a Comissão apresentaram uma ampla pauta de temas que precisam ser discutido com urgência, além de reforçar o pedido para uma reunião de trabalho com a participação das demais entidades sindicais. O presidente da EBC Alexandre Parola reforçou que seu lema é "trabalho e diálogo" e sinalizaou que irá agendar uma nova reunião.

As entidades destacaram a necessidade de valorização dos empregados, com a retomada da discussão da revisão do plano de carreiras e do monitoramento do ACT. Os representantes também apresentaram os problemas acarretados pela cultura de assédio na empresa, que vem interferindo na missão da comunicação pública e na saúde dos trabalhadores. Alexandre Parola afirmou que sua gestão não vai tolerar o assédio, mas pediu as entidades comprovações dos casos de assédio e censura.

Os pontos apresentados pelas entidades no pedido de nova reunião de trabalho são:

- Retomada dos processos de negociação em torno do Plano de Carreiras;
- Normatização da Gratificação de Desempenho de Atividade de Comunicação (GDAC);
- Cumprimento do Acordo Coletivo de Trabalho;
- Cumprimento da norma de Processo Seletivo Interno (PSI);
- Revisão da política de perseguição dos trabalhadores através de processos disciplinares;
- Revisão das mudanças no planejamento estratégico da empresa;
- Retomada do Comitê Editorial Interno previsto no Manual de Jornalismo;
- Instalação do Comitê Editorial e de Programação previsto na legislação;
- Manutenção dos recursos orçamentários previstos;
- Atenção à precariedade nas instalações da empresa – principalmente no Rio e Maranhão - e à precariedade do parque de transmissão da EBC;
- Correção dos desvios e acúmulos de funções existentes na empresa – em especial na Diretora de Produção e Conteúdo;
- Agilidade na resposta sobre a nomeação do representante dos empregados no Consad;
- Nomeação e respeito a critérios técnicos na nomeação da ouvidora ou ouvidor;
- Revisão da taxação do auxílio-creche;
- Transparência e definição de critérios para licenças na empresa.
- Discussão sobre a saúde dos trabalhadores e o assédio moral na EBC.

Os dados mostram a degradação do mercado de trabalho, expressa na redução em 9,7% do emprego com carteira assinada… https://t.co/frcLhhM6ee
8hreplyretweetfavorite
A professora Sheila Rodrigues, da Universidade Estácio, abriu espaço para discussão sobre os principais problemas e… https://t.co/3IIRq3WD6l
22hreplyretweetfavorite

Receber notícias

Acesse o Site