PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Distrito Federal (SJPDF) tem recebido dezenas de denúncias sobre o grau de insegurança e ameaça ao trabalho dos jornalistas que atuam diariamente na portaria principal do Palácio da Alvorada.

Parte dos apoiadores do presidente da República que frequenta o local tem agredido, quase todos os dias, verbalmente, com xingamentos, e feito intimidações aos jornalistas. As agressões incluem a tentativa de expor publicamente os profissionais. Além disso, em alguns casos, pessoas não autorizadas têm acessado a sala reservada à imprensa.

Em diálogo com os jornalistas setoristas e diante desse quadro - que pode se agravar para um cenário de agressão e violência física - o SJPDF já oficiou o Gabinete de Segurança Institucional, a Secretaria de Governo e a Secretaria Especial de Comunicação Social exigindo as seguintes medidas urgentes:

1) Instalação de câmeras de segurança na entrada em todos os locais de circulação e trânsito de pessoas, incluindo a área em frente à sala reservada à imprensa, atualmente sem monitoramento de vídeo;

2) Unificação dos sistemas de cadastro de profissionais de imprensa credenciados para que baste informar o número da credencial para ingresso na área reservada;

3) Entrada diferenciada para apoiadores e jornalistas. Há muitas hostilidades, também na saída do local, após os repórteres fazerem perguntas ao presidente da República;

4) Garantir que os apoiadores não entrem na sala reservada para a imprensa. Já ocorreu de irem até a porta para hostilizar os profissionais e até mesmo acessarem o local sem autorização;

5) Garantir segurança também no estacionamento. Já houve casos de perturbação por parte de apoiadores no momento em que jornalistas, posicionados na área reservada, estavam ao vivo na TV;

6) Banimento de acesso a frequentadores que agredirem física ou verbalmente profissionais de imprensa.

Caso providências não sejam tomadas, o Sindicato estuda outras medidas possíveis, inclusive judiciais. A garantia do pleno exercício profissional do jornalismo não pode seguir sendo ameaçada dessa forma. Basta de violência contra os jornalistas e as jornalistas!

Enviamos ofício reiterando apelo para que os veículos que ainda mantêm seus setoristas no Alvorada suspendam, de im… https://t.co/rJsamqyRgB
20hreplyretweetfavorite
LUTO: O jornalismo perdeu Gilberto Dimenstein. Incansável na luta por um mundo menos desigual, ele combatia um cânc… https://t.co/cp6OcJhz1z
21hreplyretweetfavorite

Receber notícias

Acesse o Site