Notícias
Publicado em Sexta, 22 Maio 2020 11:08
PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

O Sindicato dos Jornalistas do DF e o Sindicato dos Radialistas do DF repudiam as demissões em massa e as reduções de salários ocorridas na TV Bandeirantes nos últimos dias. Em um momento em que a informação é fundamental para o combate à pandemia do coronavírus, demitir jornalistas e radialistas é um ataque ao direito à informação de qualidade da sociedade.

Os veículos de comunicação vêm, durante a situação grave de saúde pública, falar da importância da solidariedade e do cuidado com a população, mas esquecem dos seus próprios profissionais.

Mesmo que a reforma trabalhista tenha desmontado, com apoio das emissoras privadas, a obrigação de negociação das demissões em massa, o Sindicato dos Jornalistas e o Sindicato dos Radialistas insistem na necessidade de uma saída acordada para a situação.

Além disso, reforçam que a Constituição Federal é explícita na necessidade de acordo com os sindicatos para diminuição da jornada e de salários. A decisão unilateral das empresas não tem segurança jurídica e mostra mais uma vez a falta de qualquer preocupação da empresa com seus trabalhadores.

Enviamos ofício reiterando apelo para que os veículos que ainda mantêm seus setoristas no Alvorada suspendam, de im… https://t.co/rJsamqyRgB
19hreplyretweetfavorite
LUTO: O jornalismo perdeu Gilberto Dimenstein. Incansável na luta por um mundo menos desigual, ele combatia um cânc… https://t.co/cp6OcJhz1z
20hreplyretweetfavorite

Receber notícias

Acesse o Site