assembleia unificiada

Notícias
Publicado em Quinta, 01 Outubro 2020 18:44
PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

O Correio Braziliense quitou na 2ª feira (28/9) a primeira parcela do acordo negociado com o Sindicato dos Jornalistas do DF para o pagamento atrasado de férias e vale alimentação/refeição. O parcelamento, homologado pela Justiça do Trabalho, foi acertado para encerrar as ações coletivas movidas pelo SJPDF, segundo decisão de assembleia dos trabalhadores.

A fórmula prevê o pagamento dos valores (corrigidos) devidos a cada trabalhador - incluindo os que deixaram o jornal - em parcelas de igual valor para todos. A quitação final das dívidas deve estar completa no prazo de 18 meses. O atraso no depósito acarreta multa de 50% sobre o valor da parcela em aberto.

O acordo, negociado pelo Sindicato com a empresa e referendado em assembleia da redação, abre caminho para a solução de um problema que se arrasta desde janeiro de 2018. Desde então, o Correio acumulou dívidas com o pagamento do adicional de férias de 1/3 do salário. Nos últimos 11 meses, não houve depósito de vale refeição/alimentação.

O SJPDF considera esse acordo como uma vitória dos trabalhadores, representados pela Comissão de Redação. Uma vitória conquistada com determinação e mobilização, que devem se manter, agora, para garantir o cumprimento do cronograma.

Como foi observado nas reuniões mantidas com a direção do Correio Braziliense, o Sindicato reitera a importância de que o pagamento de salários, férias e benefícios deve se manter regularizado. Do contrário, a acumulação de passivos trabalhistas representará risco progressivo - para a empresa, mas também para os trabalhadores.

Receber notícias

Nossa solidariedade e total apoio à jornalista @tetecruz pelas perseguições que vem sofrendo. Perfis de extrema-dir… https://t.co/c3CfvVGBWC
A venda da @CEBDistribuicao tem data marcada já: 4/12. A conta aumentou em Goiás. Apagões podem acontecer, como no… https://t.co/nwRzIgAVui

Acesse o Site