Notícias
  • Imprimir
Publicado em Segunda, 10 Junho 2019 19:15
PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

O Sindicato dos Jornalistas solicitou ao Ministério Público do Trabalho uma apuração em relação as demissões em massa e fechamento da sucursal da TV CNT em Brasília.

O Sindicato dos Jornalistas e o Sindicato dos Radialistas solicitaram reunião a direção da emissora para discutir a questão, o que foi negado. A empresa informou que irá fechar as portas no dia 30/6. A decisão assustou os trabalhadores, já que a empresa havia feito investimentos na infraestrutura e na equipe de Brasília no começo de 2019.

O SJPDF aguarda marcação de audiência no MPT para garantir que os direitos dos trabalhadores possam ser respeitados. A entidade se solidariza com os jornalistas e coloca sua assessoria jurídica a disposição para verificar possíveis irregularidades.