PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

Nesta terça, às 17h, os jornalistas do Correio Braziliense realizam um protesto contra o atraso do pagamento das férias e dos tickets alimentação pelo jornal. O Sindicato dos Jornalistas e a Comissão de Empregados estão, desde o ano passado, pressionando o jornal para regularização dos pagamentos em atraso. Os trabalhadores aguardam uma posição do jornal antes do ato.

No mês de maio, o Correio realizou pagamento das férias de 2018 e de janeiro e fevereiro de 2019 que estavam vencidas. Os trabalhadores encaminharam para o jornal uma proposta de regularização das férias, mas o Jornal não apresentou um calendário de regularização.

Na última assembleia (11/6) foi decidido dar um prazo até dia 2/7 para que o jornal responda seus trabalhadores. A proposta da assembleia foi: meses 03 e 04 de 2019 até o fim de julho; meses 05 e 06 de 2019 até o fim de agosto; meses 07 e 08 de 2019 até o fim de setembro; e as demais datas com o pagamento regular a partir de setembro/19.

O Sindicato conquistou uma vitória judicial na última semana em relação ao pagamento em atraso do FGTS pelo Correio Braziliense. A justiça decidiu que todos os empregados devem executar o jornal para recebimento do FGTS. Quem foi dispensado desde março de 2014 deve se apresentar ao sindicato. Quem está contratado pelo jornal deve enviar o extrato do FGTS para o sindicato.

A solenidade de posse da nova diretoria do Sindicato dos Jornalistas do DF (@sjpdf) e do Clube da Imprensa ocorreu… https://t.co/UxsRHkS4yV
O @SJPDF repudia os ataques de Sérgio Moro à liberdade de expressão e de imprensa. Polícia Federal pediu ao Coaf um… https://t.co/vlACfN326n

Receber notícias

Acesse o Site