PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

Para ter direito ao benefício, que se estende também aos dependentes, o jornalista deverá ser sindicalizado.

A parceria do Sindicato dos Jornalistas do DF com a Extramed completa 2 anos oferecendo seguro de saúde coletivo por adesão da SulAmérica para a categoria. Com o convênio, os sindicalizados terão direito ao plano para eles e para os seus dependentes.

Uma das vantagens da parceria é que as mensalidades do plano por adesão tendem a ser bem mais em conta do que as cobradas por um plano particular. Vale ressaltar, porém, que os reajustes são efetuados através de livre negociação entre a Extramed e o Sindicato (entenda melhor abaixo).

Os jornalistas que optarem pelo seguro de saúde do Sindicato terão direito ao atendimento nos melhores hospitais e clínicas de Brasília (veja tabela anexa). A categoria não pagará taxa de adesão, contará com assistência 24h em todo o Brasil, além de poder escolher entre várias opções de planos de saúde.

O convênio do Sindicato com a Extramed oferta planos com coparticipação (planos mais baratos em que consultas e exames são pagos separadamente) e sem coparticipação, no qual o beneficiado pode utilizar o quanto quiser.

O jornalista cuja base de sindicalização é Brasília poderá usufruir do plano em qualquer lugar do Brasil. Outra vantagem apresentada é que os jornalistas ou dependentes maiores de 65 poderão passar por análise, com a possiblidade de adesão ao convênio.

O plano por adesão trabalha com a redução de mais de 25% nos diferentes planos ofertados. Esse primeiro convênio com a SulAmérica é uma oportunidade para os jornalistas do DF obterem desconto e ao mesmo tempo se filiarem ao Sindicato, o que contribuirá para que a entidade seja mais atuante e forte junto à categoria.

A entidade busca também outras operadoras de saúde para fechar parceria e ofertar mais opções aos jornalistas. Uma das dificuldades encontradas em negociar contratos com as operadoras é o fato do Sindicato não ter vidas já contratadas em plano.

 

Confira a tabela com os benefícios aqui

 

Saiba mais sobre o reajuste de planos por adesão

“É importante saber que a ANS não define preços de planos de saúde. A regulação de planos de saúde não estipula preços a serem praticados pelas operadoras, seja para planos coletivos ou individuais. O que a ANS faz é estabelecer limites. Nos planos de saúde coletivos empresariais, contratados por intermédio de uma pessoa jurídica (ex: a empresa onde você trabalha), os reajustes não são definidos pela ANS. Nesses casos, a Agência apenas acompanha os aumentos de preços. Eles são reajustados através de livre negociação entre a operadora do plano de saúde e o representante do grupo contratante (empresa, fundação ou associação) e a ANS não interfere nessa negociação. Todos os demais aspectos referentes aos planos coletivos (redes conveniadas, qualidade dos serviços assistenciais prestados, etc) são regulados pela ANS” (Fonte: ANS).

Adesão

A contratação do plano poderá ser conseguida pelos jornalistas junto à Attento Brasil pelo número de telefone 61 99817.4800 (João) ou pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

 

 

Em reunião virtual com o Secretário de Segurança Pública do DF, mostramos a nossa preocupação com a onda de violênc… https://t.co/IRcV8vnVju
17hreplyretweetfavorite
Já vai começar! Acompanhe AO-VIVO pela página do Sindicato dos Jornalistas do DF o ATO EM DEFESA DA LIBERDADE DE IM… https://t.co/lhP8H31Y20

Receber notícias

Acesse o Site