campanha sindicalizacao 2021

Notícias
Publicado em Quarta, 16 Janeiro 2013 16:55
PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

O Sindicato dos Jornalistas do DF ganhou mais uma ação, a terceira, contra a Agência LX Comunicação. O Sindicato conseguiu, por meio de liminar, bloquear 200 mil reais para pagar os salários atrasados de jornalistas do Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª região – todos contratados pela LX Comunicação.

A verba será bloqueada no TRF e os valores serão enviados para o processo impetrado pelo Sindicato. Depois disso, o SJPDF entrará com ações individuais que têm como finalidade solicitar o repasse do valor devido para cada jornalista.

Em outubro do ano passado, o SJPDF também obteve vitória contra a mesma agência. Na ocasião, a empresa deixou de pagar salários e verbas rescisórias de contrato feito com repórteres fotográficos que prestavam serviços para o Superior Tribunal da Justiça (STJ). O Sindicato também já recebeu denuncia de que a LX agiu de forma bem parecida com profissionais que prestavam serviço para a Câmara dos Deputados.

“O governo deve ficar atento e suspender o contrato de prestação e serviços com empresas como a LX Comunicação que não gerência de modo legal o contrato que ela venceu por meio de licitação", defende o vice-presidente do SJPDF, Wanderlei Pozzebom.
"Caso um problema semelhante a este volte a ocorrer, os jornalistas devem procurar o Sindicato para que possamos cobrar da agência e acionar a Justiça se for preciso", afirma Jonas Valente, secretário-geral da entidade. 

 


Receber notícias

RT @JornalistasSP: Jornalistas da capital conquistaram o reajuste pela inflação após 6 meses de negociação. Em assembleia com mais de 300 p…
Importantíssima vitória dos movimentos de comunicação do Distrito Federal! https://t.co/McaZQgdH3k

Acesse o Site