Notícias
  • Imprimir
Publicado em Quarta, 27 Março 2013 15:28
PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

 

Marcada para acontecer na próxima quinta-feira, 28, a mesa redonda proposta pelo Ministério do Trabalho terá a presença da coordenadora financeira da Caros Amigos, Lúcia Benito da Silva Ricco. A profissional, junto de uma advogada, representará o impresso no encontro e a ideia é que, na ocasião, o veículo explique as irregularidades na empresa.

A revista foi convocada pelo ministério após o diretor geral do veículo, Wagner Nabuco, recusar o pedido de conversa do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de São Paulo. A crise que envolve a publicação foi assunto na imprensa nas últimas semanas, quando a equipe paralisou os trabalhos e divulgou carta explicando os motivos da greve. “A redação da revista Caros Amigos está em GREVE: Por não suportar mais a histórica precarização do trabalho, baixos salários, e recente ameaça de cortes, a decisão foi inevitável".
Logo em seguida, os 11 profissionais envolvidos com o protesto foram demitidos por "quebra de confiança". No encontro desta semana, a direção do sindicato dos jornalistas pretende "debater as ações sindicais e judiciais que possam buscar o não reconhecimento das demissões, a reintegração dos jornalistas à redação e impor à editora o respeito aos direitos trabalhistas da categoria".