PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

Na última quarta (17), o Sindicato dos Jornalistas do Distrito Federal, em conjunto com os Sindicatos dos Jornalistas do RJ e SP e dos Sindicatos dos Radialistas do DF, RJ e SP, solicitou uma audiência com novo presidente da EBC, Alexandre Parola, para dialogar sobre a situação da empresa, a necessidade de valorização dos empregados e a autonomia da comunicação pública.

As entidades reforçaram a importância desse diálogo para efetivar o que Parola afirmou em seu discurso de posse na EBC, colocando “os interesses do público em primeiro lugar” - com uma gestão responsável, profissional e transparente – para o fortalecimento da comunicação pública no Brasil.

Monitoramento do ACT

Os Sindicatos também oficiaram a direção da EBC para a realização de reunião de monitoramento do Acordo Coletivo de Trabalho 2017/18 como forma de evitar passivos e resolver impasses trabalhistas. O pedido foi apresentando a partir do descumprimento das cláusulas relacionadas ao vale cultura e do auxílio-creche. Estas reuniões de monitoramento foram comuns nos últimos anos, mas desde 2017 a direção da empresa se nega a sentar com as entidades para avaliar o comprimento do acordo.

Receber notícias

LUTO: Nota de pesar pelo falecimento de Luiz Linhares -> Vítima da Covid-19, Linhares nasceu em 1955 e foi jornalis… https://t.co/SgieBFVHyH
RT @ficaebc: A gente fala Rádio Nacional da Amazônia e imagina que ela só alcança a região norte do país. Mas ela vai além! O Adeilson Silv…

Acesse o Site