Notícias
Publicado em Quarta, 17 Abril 2013 17:23
PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

 

Na tarde desta segunda-feira, 15/4, representantes do Sindicato dos Jornalistas do DF estiveram em São Paulo para acompanhar a audiência de acordo de conciliação sobre as demissões do Estadão. O interesse do SJPDF na negociação realizada entre o Sindicato dos Jornalistas do Estado de São Paulo (SJSP) e o Grupo Estado se deu pelo fato de cinco jornalistas da Sucursal de Brasília ter também estarem na lista dos demitidos pelo veículo.

A negociação entre as partes garantiu o pagamento de dois salários nominais aos trabalhadores a título de rescisão e o pagamento pela empresa de seis meses do plano de saúde. Ficou acordado também que estas condições estarão garantidas para qualquer jornalista que venha a ser demitido pela empresa nos próximos 60 dias.

Wanderlei Pozzebom, vice-presidente do SJPDF, disse que a participação do SJPDF foi significativa. “A nossa intenção é estender os benefícios do acordo para os jornalistas que foram demitidos em Brasília. Eles não toparam a negociação na hora, mas nós já enviamos um ofício formal para tentar resolver o caso. Se for preciso iremos recorrer a justiça, afinal, os jornalistas tralham no mesmo veículo”, afirmou. Pozzebom.

Outro fator que Wanderlei chama a atenção é que a demissão dos jornalistas de Brasília tem a mesma data e foi assinada pelo setor de recursos humanos de São Paulo. Segundo dados divulgados pelo SJSP, o Estadão demitiu um número de 38 jornalistas, destes 31 são da sucursal de São Paulo e cinco da de Brasília.

Saiba mais sobre a audiência de São Paulo

Receber notícias

🚨Um levantamento feito pela @RSF_pt e pelo @ITSriodejaneiro registrou meio milhão de tweets com hashtags de descred… https://t.co/x9wVh3EJSA
Sindicato dos Jornalistas do DF cobra reunião com GDF e SSP/DF sobre agressões a jornalistas em manifestações -> Ta… https://t.co/NPkbaaWqf2

Acesse o Site