campanha sindicalizacao 2021

Notícias
Publicado em Quarta, 22 Maio 2013 15:36
PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

Na noite desta terça-feita (21/5), às 20h40, morreu o jornalista Ruy Mesquita, diretor de O Estado de S. Paulo. Mesquita estava internado no Hospital Sírio-Libanês, no centro de São Paulo (SP), desde o dia 25 de abril, para uma cirurgia de retirada de um câncer na base da língua, descoberto recentemente. 

Dr. Ruy, como era conhecido, era da terceira geração de uma das mais tradicionais famílias de jornalistas do Brasil. Esteve na linha de frente do jornal por mais de 60 anos. Assumiu a direção do Estadão em 1996, após a morte do irmão Júlio de Mesquita Neto.

Até sua internação, Dr. Ruy era o responsável pelos editoriais do Estadão,considerados um dos melhores da imprensa brasileira, e se reunia diariamente com a equipe. Alguns dos textos eram escritos por ele próprio.

Carreira

Filho do jornalista Júlio de Mesquita Filho, nasceu em 16 de abril de 1925. Cursou direito no Largo de São Francisco (USP) e formou-se na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP.

Iniciou a carreira no jornalismo como repórter em 1948. Durante a trajetória ocupou cargos como redator e editor de internacional. Em 1996, fundou o Jornal da Tarde – publicação encerrada do fim de 2012.

Em 1964, apoiou o Golpe Militar. No entanto, no ano seguinte rompeu com o regime quando os chefes de estado anunciaram o fim da eleições diretas para presidente.

Sob seu comando, o Jornal da Tarde tornou-se um símbolo da resistência ao publicar receitas e poemas no local dos textos vetados pela censura.

Ruy Mesquita era casado, deixa quatro filhos, 12 netos e um bisneto.
O corpo do jornalista está sendo velado na casa da família, no bairro do Pacaembu, em São Paulo. O enterro está previsto para 15h, no Cemitério da Consolação.

Publicado pelo Portal Imprensa

Receber notícias

RT @JornalistasSP: Jornalistas da capital conquistaram o reajuste pela inflação após 6 meses de negociação. Em assembleia com mais de 300 p…
Importantíssima vitória dos movimentos de comunicação do Distrito Federal! https://t.co/McaZQgdH3k

Acesse o Site