assembleia unificiada

Notícias
Publicado em Quarta, 25 Setembro 2019 17:24
PLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMITPLG_ITPSOCIALBUTTONS_SUBMIT

Em três anos de gestão, a atuação da diretoria do SJPDF no segmento de assessoria de imprensa se deu em várias frentes. Uma delas foi a Campanha “Assessor de Imprensa é jornalista”, concebida pelo Coletivo de Assessores de Imprensa do SJPDF.

A gestão assumiu o compromisso de dar continuidade ao trabalho de conscientização dos direitos e das especificidades dos jornalistas que atuam neste setor. O objetivo da campanha é chamar a atenção da categoria para o fato de que os profissionais que atuam nas assessorias de imprensa têm os mesmos direitos daqueles que trabalham nas redações.

A campanha, que teve início em 2014, foi dividida em quatro etapas, sendo a última lançada em 2017. A diretoria buscou ampliar a divulgação dos materiais, que abordam os direitos dos jornalistas - como jornada e piso salarial -, o reconhecimento de vínculo empregatício, o acúmulo de função. E na última etapa, divulgar as regras previstas na Convenção Coletiva de Trabalho – CCT.

Além de seguir com as passadas nas assessorias, a diretoria levou a campanha foi levada para os estudantes de jornalismo e apresentada às turmas do Instituto de Ensino Superior de Brasília (Iesb).

Outro ponto de destaque foi a projeção nacional que a campanha alcançou. Reconhecida nacionalmente como uma iniciativa de sucesso, a campanha “Assessor de Imprensa é Jornalista” passou a ser utilizada, a partir de 2018, pela Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) e pelos sindicatos de outros estados.

A deliberação de nacionalizar os materiais ocorreu durante o 3º Congresso Extraordinário Nacional dos Jornalistas e do 21º Encontro Nacional de Jornalistas em Assessoria de Imprensa — Enjai, realizado em dezembro de 2017, em Vitória (ES).

pg17

Como funciona a iniciativa

Em todas as fases, a campanha conta com um material de divulgação, visitas do Sindicato aos locais de trabalho e incentivo aos colegas para denunciar irregularidades. O SJPDF lembra aos jornalistas que os jornalistas podem fazer denúncias e solicitar visitas aos locais de trabalho pelo email O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..">O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

Todos os materiais da campanha estão disponíveis no site do Sindicato: www.sjpdf.org.br/acoes/assessoria-de-imprensa.

Jornalistas sindicais

As particularidades dos jornalistas que atuam em entidades sindicais e movimentos sociais também foram foco da ação do SJPDF. Além das visitas às assessorias e diálogo com os profissionais desse setor, a diretoria marcou presença em diversos eventos e debates sobre comunicação sindical e popular e a condição de trabalho dos jornalistas.

Em 2017, o SJPDF sediou e organizou, em conjunto com as entidades do Fórum de Comunicação da Classe Trabalhadora, o 5º Seminário de Imprensa Sindical e o 4º Encontro de Jornalistas Sindicais. O evento reuniu mais de 150 pessoas, entre jornalistas e dirigentes, para discutir os desafios e a importância da comunicação sindical para da organização e luta da classe trabalhadora.

Composto por diversas mesas de debate, o Seminário discutiu temas como a estratégia para a retomada de luta da classe trabalhadora; a garantia da centralidade da questão de raça e gênero nos materiais jornalísticos produzidos pelas entidades sindicais.

Outra questão debatida entre os jornalistas e dirigentes foi a importância de diversificar e ampliar a cobertura jornalística dos sindicatos, para abordar temáticas para além das pautas coorporativas das categorias. Os participantes também apontaram a necessidade de buscar unificar as produções na perspectiva de formar um grande canal de informação da classe trabalhadora.

Também foi abordada a inserção da comunicação sindical nas plataformas da internet e a necessidade de compreender que esses ambientes também são controlados por empresas, e estão longe de serem neutros e transparentes. Além de discutirem a importância da luta unificada contra a reforma da Previdência, naquele momento encaminhada pelo governo de Michel Temer, e a criminalização dos movimentos sociais.
Em 2018, o sindicato integrou também a organização da edição seguinte do Seminário e do Encontro, que ocorreram em Salvador (BA).

 

A inclusão da EBC no programa de PRIVATIZAÇÃO é um desrespeito à Constituição e um ataque ao direito à informação d… https://t.co/kWZokz0eJ5
23hreplyretweetfavorite
JORNALISTA, sua profissão está novamente sob ataque! Vamos reagir! Nessa quinta-feira, 21/11, 19h30, assembleia con… https://t.co/cTX9wNAy1W

Receber notícias

Acesse o Site